Passar para o Conteúdo Principal

brasao cm chaves

pesquisar
 

Projetos Cofinanciados - Portugal 2020

BANNER_PROJETOS_2020_C

  • Trilhos de visitação do património natural e cultural do concelho de Chaves

    Desenvolvimento Rural

    Designação do projeto | Trilhos de visitação do património natural e cultural do concelho de Chaves
    Código do projeto | PDR2020-10216-040134
    Objetivo principal | Proteger o Ambiente e Promover a Eficiência dos Recursos
    Região de intervenção | Norte
    Entidade beneficiária | Município de Chaves

    Data de aprovação | 02-08-2019
    Data de início | 27-07-2017
    Data de conclusão | 18-08-2020
    Custo total elegível | 164,126.10€
    Apoio financeiro da União Europeia | FEDER – 82.063,06€

    Objetivos, atividades e resultados esperados/atingidos

    Este projeto visa contribuir para a preservação, conservação e valorização do património natural, paisagístico e cultural em presença em algumas freguesias rurais do concelho de Chaves, através da criação de 6 trilhos de visitação (rotas/itinerários), assentando numa utilização sustentável dos recursos naturais existentes.
    A intervenção irá contribuir para a diversificação da oferta turística da região, para o reforço da identidade e atratividade das aldeias abrangidas, para a dinamização e sustentabilidade da economia local e para a melhoria da qualidade de vida das populações.
    Para a implementação destes trilhos prevêem-se, pelo menos, a concretização das seguintes ações:
    - Elaboração do projeto para a implementação dos trilhos;
    - Elaboração e impressão de material de promoção e divulgação;
    - Obras de recuperação e beneficiação dos percursos,
    - Fornecimento e instalação de equipamentos de sinalética dos trilhos.
    As intervenções a levar a efeito no âmbito deste projeto, preconizam o alcance dos seguintes objetivos:
    - Levar a cabo um conjunto integrado e complementar de trilhos/percursos pedestres;
    - Fomentar o turismo em espaço rural;
    - Criar um produto turístico complementar que contribua para o desenvolvimento sustentável dos territórios rurais abrangidos;
    - Dotar o concelho de um roteiro de percursos pedestres de qualidade e devidamente homologados;
    - Usar a promoção dos trilhos como mais uma forma de divulgar a cultura e o património material e imaterial do concelho e de promover a prática do pedestrianismo com o selo de garantia (da Federação de Campismo e Montanhismo de Portugal);
    - Fomentar e diversificar a oferta turística em espaço rural;
    - Criar sinergias entre vários setores do turismo da região, através da criação de parcerias que contemplem, por exemplo, a criação de pacotes turísticos conjuntos;
    - Promover a sensibilização das populações locais para a importância da preservação e conservação dos elementos patrimoniais em presença;
    - Desenvolver e promover uma ligação da população com as zonas rurais, na procura de fomentar o interesse por estes espaços, bem como a responsabilização pela sua conservação e valorização, tornando a população como um elemento de participação ativa no correto desenvolvimento, gestão e ordenamento do território.

    BARRA_FINAL2_1_1000_1000

     

  • Viver a Sociedade

    Fundo Social Europeu PICIIE

    Designação do projeto | Viver a Sociedade
    Código do projeto | NORTE-08-5266-FSE-000144
    Objetivo principal | Investir na Educação, na Formação e na Formação Profissional
    Região de intervenção | Norte
    Entidade beneficiária | Município de Chaves

    Data de aprovação | 08-02-2018
    Data de início | 02-01-2018
    Data de conclusão | 31-12-2020
    Custo total elegível | 811.067,00 €
    Apoio financeiro da União Europeia | FEDER - 689.406,95 €

    Objetivos, atividades e resultados esperados/atingidos

    O Projeto "Viver a Sociedade", contempla uma ação de promoção do sucesso educativo, através da qual se pretende que as crianças/jovens e famílias possam vivenciar experiências em diversas áreas desde a cultura, desporto, música, ciências, ambiente e as artes, que incentivem o espirito desportivo e de cooperação, contribuindo para a valorização do ponto de vista cultural e complementando o ensino formal e não formal.
    Constituem objetivos desta operação os seguintes:
    - Promover o sucesso educativo, através da promoção do desenvolvimento integral das crianças e jovens e propiciando condições de igualdade a todos os alunos;
    - Permitir o acesso a novas atividades/ experiências fora do contexto escolar, que contribuam para a formação de competências e atitudes favoráveis à aprendizagem;
    - Envolver os encarregados de educação/famílias e nas atividades escolares e nas previstas no ensino não formal.

    Resultados esperados:

    - Alunos envolvidos nas atividades de combate ao insucesso escolar, por nível de educação (EPE, EB, ES) (750);
    - Medidas de cada operação implementadas (>= 85%);
    - Municípios envolvidos na operação (1);
    - Agrupamentos/Escolas não agrupadas abrangidos por intervenções com vista à redução do abandono escolar e à melhoria do sucesso educativo de nível ISCED 2 (100%);
    - Associações de Pais envolvidas na operação (100%);
    - Outras entidades envolvidas na operação (100%);
    - Redução dos alunos nos 1.º, 2.º 3.º Ciclos e Secundário com níveis negativos (>=10%);
    - Redução da taxa de retenção e desistência (>=25%);
    - Grau de satisfação das entidades envolvidas (90%).

    BARRA_FINAL2_1_1000_1000