Passar para o Conteúdo Principal

logotipo

pesquisar
 

Tomada de posse dos novos órgãos autárquicos: Câmara e Assembleia Municipal

Dsc08394 1 1024 2500
24 Outubro 2017

O auditório do Centro Cultural de Chaves foi pequeno para acolher a cerimónia de tomada de posse dos novos membros da Câmara Municipal e Assembleia Municipal de Chaves, que decorreu durante a manhã de ontem (23 de outubro).

Centenas de pessoas quiseram marcar presença nesta sessão solene, que assinalou o início do mandato do novo executivo municipal, liderado pelo Presidente da Câmara, Nuno Vaz, ato que consagrou os resultados das últimas eleições autárquicas, expressando de forma clara a vontade dos flavienses.

Tomou igualmente posse Altamiro Claro, que preside à Assembleia Municipal, seguido dos restantes membros que integram este órgão.

Marcaram presença neste ato o Presidente da Câmara de Vila Real e os Presidentes de Câmara do Alto Tâmega, Deputados à Assembleia da República, representantes de instituições locais e regionais, que quiseram acompanhar o início deste novo ciclo autárquico.

Na sua primeira intervenção como Presidente da Câmara Municipal de Chaves, o edil deixou palavras de “agradecimento e reconhecimento a todos aqueles que se entregaram na campanha autárquica, que contribuíram para a expressiva vitória alcançada”, mas essencialmente “aos milhares de flavienses que acreditaram num novo rumo para o concelho”.

O Presidente da Câmara Municipal de Chaves, Nuno Vaz reiterou, ainda, aquelas que são as prioridades para a construção de um novo tempo. A captação de investimento e promoção do emprego, a aposta na inovação e na modernização de atividades e setores tradicionais, o apoio à demografia e às qualificações humanas, a requalificação de infraestruturas rodoviárias e equipamentos coletivos públicos e a afirmação de Chaves no contexto regional e nacional são prioridades estratégicas do novo executivo municipal.

Estratégias essas que serão implementadas através de programas e projetos estruturantes, dos quais se destacam a criação de uma agência de investimento que capte 500 novos postos de trabalho, a redução do IMI para a taxa mínima (0,30%), a redução em 10% do preço da água/saneamento e resíduos, a afetação do edifício do antigo magistério a um “espaço criativo multifuncional”, onde possam ser criadas empresas star-ups, em parceria com Universidades e Politécnicos.

A reorganização dos balneários termais, a implementação de um plano de requalificação e reabilitação do centro histórico, a requalificação de estradas municipais; a requalificação e recuperação ambiental do rio Tâmega, bem como a requalificação do antigo Cineteatro de Chaves, bem como a requalificação dos bairros de habitação social e o apoio à produção pecuária fazem parte desse conjunto de linhas programáticas.

Nuno Vaz Ribeiro deseja uma cidade e um concelho mais atrativo e com melhores oportunidades para todas e para todos os que queiram residir, trabalhar e investir no concelho de Chaves.

CÂMARA MUNICIPAL | COMPOSIÇÃO

A distribuição dos mandatos foi a seguinte:
- Partido Socialista (PS) - 4 mandatos
- Partido Social Democrata (PSD) - 3 mandatos

Os candidatos eleitos, pela ordem da sua eleição, são os seguintes:

PRESIDENTE
- Nuno Vaz Ribeiro (PS)

VEREADORES
- António Cândido Monteiro Cabeleira (PPD/PSD)
- Francisco António Chaves de Melo (PS)
- Carlos Augusto Castanheira Penas (PPD/PSD)
- Paula Fernanda da Mota Chaves (PS)
- Victor Augusto Costa Santos (PS)
- Maria Manuela Pereira Tender (PPD/PSD)

ASSEMBLEIA MUNICIPAL | COMPOSIÇÃO

A distribuição dos mandatos foi a seguinte:
- Partido Socialista (PS): 21 mandatos
- Partido Social Democrata (PSD): 16 mandatos
- CDU - Coligação Democrática Unitária: 2 mandatos
- CDS - Partido Popular: 1 mandato

Os candidatos eleitos, pela ordem da sua eleição, são os seguintes:

- Altamiro da Ressurreição Claro (PS) - Presidente
- Francisco António Taveira Ferreira (PPD/PSD)
- Anselmo José Martins (PS) – 1º Secretário
- Maria Inês Pereira Dias (PPD/PSD)
- Maria Aline da Silva Ferreira Caetano (PS) – 2ª Secretário
- Francisco José Gonçalves de Oliveira (PPD/PSD)
- António Manuel Pires de Almeida (PS)
- Luís Manuel Areias Fontes (PS)
- João Miranda Rua (PPD/PSD)
- Brigite Raquel Bazenga Vieira Tomás Gonçalves (PS)
- Ana Maria Rodrigues Coelho (PPD/PSD)
- Fernando Luiz Lopes Moreira (PS)
- Nelson Paulo Gonçalves Montalvão (PPD/PSD)
- Paula Maria Morais Esteves (PCP-PEV)
- Nuno André Monteiro Coelho Chaves (PS)
- Fátima Liliana Fontes Carreira Pinto (PS)
- José Ferreira Moura (PPD/PSD)
- Tiago José da Mata Morais Caldas (PS)
- Maria Isabel Teixeira de Carvalho da Cunha (PPD/PSD)
- Ernesto Salgado Areias (PS)
- António José dos Santos (PPD/PSD)
- Gisela Maria Esteves do Espírito Santo (PS)
- Francisco José Teixeira Lopes da Silva Preto (PPD/PSD)
- Júlio Eliseu dos Anjos Alves (PS)
- Eduardo Júlio Alves Brás (PS)
- Cláudia Patrícia Quitério Bento (PPD/PSD)
- Isabel Maria Ruivo Seixas Martins (PS)
- Gonçalo André Nascimento Alves (CDS-PP)
- Carlos Afonso de Moura Teixeira (PPD/PSD)
- Manuel Justino Matos Cunha (PCP-PEV)
- Manuel Guerra Afonso (PS)
- Joaquim Tomaz (PPD/PSD)
- Domingos de Moura Alves (PS)
- Maria Adalgisa Portugal Ferreira Silva Babo (PS)
- Milena Sofia Vieira de Melo (PPD/PSD)
- José Francisco de Resendes Carreiro (PS)
- Manuel Pedro de Oliveira Branco (PPD/PSD)
- Rui Miguel Alves Sousa Pinheiro (PS)
- Alexandre Manuel Afonso de Queirós Medeiros (PPD/PSD)
- Cristina Maria Inocêncio Imaginário (PS)

Dsc 2258 1 1024 2500
Dsc 2261 1 1024 2500
Dsc 2268 1 1024 2500
Dsc08076 1 1024 2500
Dsc08355 1 1024 2500
Dsc08358 1 1024 2500
Dsc08362 1 1024 2500
Dsc08371 1 1024 2500
Dsc08374 1 1024 2500
Dsc08385 1 1024 2500
Dsc08386 1 1024 2500
Dsc08398 1 1024 2500
Dsc08406 1 1024 2500
Dsc08411 1 1024 2500
Dsc08422 1 1024 2500