sábado, 19 de Abril de 2014

    • 24-03-2011
    • Galiza e Portugal debatem acordo transfronteiriço para reforçar cooperação na área da saúde na Eurocidade Chaves-Verín

    • A conselheira de saúde, da Xunta da Galicia, Pilar Farjas, e o Secretário de Estado adjunto e da saúde, Manuel Pizarro, reuniram-se na passada Sexta-feira, dia 18 de Março, em Chaves, para abordar a coordenação dos serviços de saúde transfronteiriços. No contexto do acordo, entre Espanha e Portugal, ambas as administrações se comprometeram a levar a cabo actuações em matéria de saúde. Como primeiro passo serão criadas duas comissões, uma geral para caracterizar os serviços de saúde na zona transfronteiriça, Galiza - Norte de Portugal, e outra especifica dedicada à Eurocidade Chaves-Verín. Depois dessa análise e caracterização ambas as administrações se esforçarão para promover acordos de cooperação entre os serviços de saúde de ambos os lados, de forma a conjuntamente poderem prestar um melhor serviço aos cidadãos. Na reunião, estiveram ainda presentes os Presidentes de Chaves e Verín, João Batista e Juan Jiménez, entre outras personalidades.
      A Conselheira da saúde da Xunta da Galicia e o Secretário de Estado adjunto e da saúde, Manuel Pizarro, destacaram positivamente esta reunião, considerando-a de muito interesse para a cooperação entre as estruturas e recursos sanitários da região norte de Portugal e Galiza. Para Pilar Farjas, o mais importante é assegurar um acesso de qualidade à saúde nas zonas fronteiriças e garantir a continuidade de uma rápida assistência para os cidadãos das referidas localidades.
      Entre os temas abordados, podem destacar-se a formação profissional e a possibilidade de alunos estagiarem no país vizinho, o reforço e a coordenação do transporte de saúde urgente e a complementaridade entre as valências hospitalares. Neste sentido, nos próximos dias será assinado um memorando de entendimento entre ambas as administrações, que planificará e estabelecerá as linhas estratégicas para o futuro trabalho a desenvolver.
      É assim espectável que, num futuro que se quer próximo, possa existir uma  planificação e coordenação conjunta dos serviços de saúde do território, sem atender à linha de fronteira, como é o caso dos serviços de emergência e a actuação complementar entre os serviços de saúde.

    Notícias seguintes
    Seguinte

    Diga-nos o que pensa

    Clique aqui

     

    X
    Nome 
    E-mail 
    Comentário / Pergunta 


    Queremos saber a sua opinião relativamente aos Serviços do Município para avaliar o seu grau de satisfação.

    Contamos com a sua colaboração!

    Responda aqui...



    Hoje
    n/a
    min máx
       
    Amanhã
    n/a
    min máx
       

    Município de Chaves, Largo de Camões, 5400-150 Chaves | Tlf.: 276 340 500/1/2 | Fax: 276 327 724 | Email: municipio@chaves.pt

    Produzido por Tribal DDB - © 2010 Município de Chaves. Todos os direitos reservados.